Tribuna do Interior

Tocantins, quarta-feira, 15 de julho de 2020.
13/05/2016 - 07h13m

Jeito de Mulher inicia curso de instalador de alarme residencial exclusivo para mulheres

Aline Gusmão / Governo do Tocantins 
Carlessandro Souza / Governo do Tocantins
O Governo do Tocantins vai qualificar 465 mulheres nas cidades de Araguaína, Araguatins, Dianópolis, Guaraí, Gurupi, Palmas, Paraíso do Tocantins e Porto Nacional - Carlessandro Souza / Governo do Tocantins
O Governo do Tocantins vai qualificar 465 mulheres nas cidades de Araguaína, Araguatins, Dianópolis, Guaraí, Gurupi, Palmas, Paraíso do Tocantins e Porto Nacional - Carlessandro Souza / Governo do Tocantins

Com muita motivação e vontade de aprender, 20 mulheres de Porto Nacional começaram na tarde desta quinta-feira, 12, a qualificação em Instalador de Alarme Residencial, do Projeto Jeito de Mulher. A cidade deve receber outros dois novos cursos até setembro deste ano.

Neste primeiro dia de aula, as alunas receberam as palavras de incentivo da Diretora do Trabalho do Sistema Nacional de Emprego do Tocantins (Sine), Suami Freitas, e participaram da palestra Profissional de sucesso do Século XXI, do professor Crisólito de Souza Lopes, presidente do Instituto Geralda Aldira, responsável por ministrar os cursos da primeira fase do Projeto.

Na solenidade, o subsecretário de Trabalho e Assistência Social, Alfredo Branchina, destacou as necessidades de inovação para a conquista ou manutenção de emprego. "O Brasil passa por um momento de crise, mas também é um momento de oportunidade. Se o mercado de trabalho está difícil, temos que procurar novas opções e tenho certeza que vocês vão se diferenciar. Tenho convicção que as mulheres não vão dominar o mercado de trabalho, elas já dominaram", analisou.

Em execução em outras duas cidades do Estado, o Jeito de Mulher leva a Porto Nacional, nesta primeira etapa, o curso de Instalador de Alarme Residencial. Na segunda etapa, que deve acontecer no segundo semestre, a cidade deve receberá os cursos de Mecânico de Injeção Eletrônica e Pedreiro. Foi através de uma das alunas do Jeito de Mulher em Palmas, que as irmãs Mônica e Maria Bonfim Ribeiro souberam do curso. "Temos uma irmã em Palmas que está cursando o de "Derivados do Leite" e nos falou para não deixar de fazer o curso aqui. Além desse o quero fazer todos os que eu tiver oportunidade", comentou.

Já para Regina Moreira, 41, foi o hábito de acompanhar diariamente as vagas de  de emprego divulgadas na página da Setas no Facebook que a levaram até o Projeto. "Eu vi na página e já liguei lá para me informar. Fui no mesmo dia fazer minha inscrição e, graças a Deus, consegui minha vaga e estou aqui", comemorou.

Decidida a dar o seu melhor, a aluna Claudecir Silva, 26, disse ter preferência por trabalhos que são ocupados principalmente por homens. "Eu gosto muito desses assuntos e sempre tive muita vontade de aprender, então estou muito empolgada com a oportunidade", comentou.

Jeito de Mulher

O Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Trabalho e Assistência Social (Setas), vai qualificar 465 mulheres nas cidades de Araguaína, Araguatins, Dianópolis, Guaraí, Gurupi, Palmas, Paraíso do Tocantins e Porto Nacional. O Projeto tem recursos da Secretaria de Políticas para as Mulheres, do Governo Federal, e contrapartida do Estado.

Além de participarem dos cursos gratuitamente, as alunas recebem lanche, todo material didático para aulas teóricas e os materiais e equipamentos de segurança necessários para as aulas práticas.

© 2015 - Tribuna do Interior - Todos os direitos reservados.
Expediente