Tribuna do Interior

Tocantins, Segunda-feira, 01 de junho de 2020.
27/08/2015 - 11h31m

Secretário da Educação recebe estudante que representará o Tocantins no Projeto Parlamento Jovem Brasileiro

da Redação 
Foto: Elias Gomes/Ascom Seduc/25.8.2015
Projeto de Jeovana (dir.) trata do reaproveitamento das águas da chuva nas escolas públicas
Projeto de Jeovana (dir.) trata do reaproveitamento das águas da chuva nas escolas públicas

Entre 21 e 25 de setembro, 78 jovens participarão de uma jornada parlamentar na Câmara, onde atuarão como deputados federais

O secretário de Estado da Educação, Adão Francisco, recebeu nessa terça-feira, 25, a estudante Jeovana Campos Maciel, que irá representar o Tocantins no projeto Parlamento Jovem Brasileiro da Câmara dos Deputados, que simula a jornada de rotina dos trabalhos legislativos, acontece nos dias 21 a 25 de setembro, em Brasília. O aluno Pedro Henrique Jorge Brito, que ficou na terceira colocação na seleção estadual também participou do encontro.

Jeovana tem 17 anos e cursa o 3º ano do curso técnico de Agropecuária integrado ao ensino médio na Escola Família Agrícola de Porto Nacional. O projeto de lei da estudante sugere a instalação de sistemas de captação de água das chuvas nas escolas estaduais. "O que me incentivou a trabalhar essa temática foi pensar na realidade do Brasil, do nosso Estado e até mesmo na nossa escola, especialmente nesta época de seca, que sofremos com a falta de água. Ao aproveitar a água das chuvas para os banheiros, a limpeza da escola e outras finalidades podem ajudar a reduzir o consumo da água e contribuir para a preservação do meio ambiente não só para a nossa geração, mas também, para as gerações futuras", destaca.


A fim de incentivar os estudantes de escolas públicas a darem continuidade aos projetos, Adão Francisco de Oliveira, contou um pouco de sua trajetória escolar e se emocionou. "Da creche ao doutorado toda minha vida escolar foi na rede pública e que assim como vocês passei por dificuldades, mas contei com a perseverança, com professores que acreditaram em mim. Vocês estão trilhando o caminho certo. Esses são resultados dessa construção da educação integral e humanizada que vem acontecendo no Tocantins e que impacta na vida dos alunos e das famílias. São experiências fabulosas que temos levar para todo o Estado como exemplo, para que mais alunos de todas as regiões possam ter sucesso assim", enfatiza.


A mãe da estudante, Raimunda Campos de Carvalho Maciel, falou do orgulho em ver a filha representar o Estado. "Nem consigo medir o tamanho da minha alegria em ver a Jeovana trabalhar esse projeto e levar o nome do Tocantins como uma opção que poderá ajudar tanta gente", contou.

Para a diretora Regional de Educação de Porto Nacional, Domingas da Conceição Ferreira de Oliveira, a representatividade do Estado por uma aluna da região de Porto Nacional é de grande importância para a comunidade escolar. "Estamos muito orgulhosos, em ver esses frutos. ? isso mesmo que queremos, que nossas escolas sejam espaço de projetos para a vida. Esse reconhecimento é resultado da parceria escola /família. Estamos nos sentindo ainda mais premiados por ser uma escola do campo", destacou.


O secretário da Educação destacou as desigualdades sócio-educacionais ainda presentes no Tocantins em especial na educação do campo e que governo vem trabalhando para que isso seja minimizado. "Antes de começarmos o planejamento das ações para a educação fizemos uma pesquisa e vemos uma clara desigualdade na estrutura, nos recursos oferecidos, especialmente nas escolas do campo e o governador Marcelo Miranda tem essa sensibilidade de compreender essa realidade e não mede esforços para realizar o que planejamos para que muitos outros alunos se destaquem e nos encham de orgulhos de serem alunos tocantinenses, de escolas públicas do campo e com muitos prêmios contabilizados", ressaltou.


Também participaram do encontro: o diretor da Escola Família Agrícola de Porto Nacional, Ozéias Neres Cerqueira; o professor Carlos André Martins, que orientou o projeto; o superintendente de Desenvolvimento da Educação da Seduc, Divino Mariozan; e o superintendente estadual da Juventude, Ricardo Ribeirinha.


Parlamento Jovem Brasileiro

Entre 21 e 25 de setembro, os 78 jovens participarão de uma jornada parlamentar na Câmara dos Deputados, onde atuarão como deputados federais. A simulação da rotina dos trabalhos legislativos pretende despertar os jovens parlamentares para a reflexão crítica e representação política por meio da vivência do processo democrático.


O número de representantes jovens por estado e pelo Distrito Federal é feita de maneira proporcional, como nas eleições oficiais. São Paulo, por exemplo, que tem o maior número de deputados na Casa, recebe 11 parlamentares jovens, enquanto o Distrito Federal e o Acre, que têm 8 representantes, recebem 1 representante jovem.

© 2015 - Tribuna do Interior - Todos os direitos reservados.
Expediente